11 novembro 2010

Legalizar o Vício?

Drogas. Destroem o organismo, são responsáveis por grande parte da violência atual e são um dos assuntos mais polêmicos. Não porque as pessoas discutem se ela faz mal ou não. Isso, até os usuários sabem (ou espera-se que saibam). A polêmica está, entre outros aspectos, na legalização ou não do uso dessas drogas, como a maconha. Claro, já existem as legais, como o cigarro. Mas, será que se legalizarmos as outras drogas, não seria um benefício?

O tráfico de drogas é um fato conhecido. Ele existe porque estas são ilegais, assim como sua produção e venda. Então um grupo de "mafiosos" começa a produzir e vender ilegalmente as drogas para os usuários. E são estes traficantes os culpados por grande parte da violência na cidade, de modo direto (confrontos com a polícia que acabam envolvendo pessoas inocentes), ou não (usuários de drogas que roubam pessoas para conseguir mais dinheiro para comprar mais droga). É basicamente um círculo vicioso.

Só que o tráfico só acontece exatamente porque a venda de drogas é ilegal. Vejamos o cigarro, por exemplo. Podemos encontrar um maço de cigarro em vários tipos de estabelecimentos comerciais, sendo vendidos para qualquer um que queira. Se a maconha, por exemplo, fosse legalizada, ela seria vendida do mesmo modo que o cigarro. Não seria este um meio de acabar com o tráfico da droga, acabando também com um dos maiores problemas urbanos?

Alguns alertariam um outro ângulo: o aumento de usuários. Porém, existe muita informação hoje em dia dizendo os males da maconha, do cigarro e de qualquer outra droga lícita ou ilícita. Fica praticamente impossível alguém as usar sem saber o que vai acontecer com seu corpo. Sendo assim, as pessoas que resolverem comprar uma droga e se tornarem usuárias desta, são nada mais nada menos, que suicidas.

Claro que se as drogas em geral fossem legalizadas, nada impediria as campanhas anti-drogas de continuarem. O certo é acabar com as drogas, por mais difícil que isso possa ser (pois seria necessário tomar medidas drásticas, como exterminar a planta da maconha, por exemplo).

No fim das contas, a legalização da maconha, ou de alguma outra droga, seria um acontecimento de aspectos muitos positivos e negativos, que revolucionariam o ambiente em que vivemos. Mas, de qualquer forma, a ideia não deve ser desconsiderada.




Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Deixe um comentário dizendo o que achou! :)