27 maio 2011

Olhos Reveláveis


Estavam todos em um passeio de fotos. Ela tinha doze fotos para tirar e depois ser avaliada pelo professor. Precisavam ser perfeitas.

Esforçara-se tanto para conseguir aquele curso... Convencer os pais não fora fácil. Mas agora lá estava ela. Em seu primeiro passeio com o grupo, sua câmera na mão, seus olhos atentos. Não deixaria escapar nada.

Odiava perder uma boa foto. Tantas vezes a vi reclamar "droga, porque não trouxe a câmera?" ou "droga, porque tinha que acabar a bateria?". Era sempre um momento não gravado, um momento que só ela se lembraria. Isso a enlouquecia.

As fotos eram suas amigas, suas palavras, seu brilho. Refletiam uma ideia, uma visão ou um sentimento. Era um espelho de seu interior. Fotografar era o que queria passar o resto de seus dias fazendo.

Olhou ao redor, sentada em uma mureta de pedra, procurando em meio ao verde um tom que merecesse ser lembrado. Viu ao longe as montanhas e aquele tapete de árvores vindo na sua direção. Teve uma ideia.

Deitou-se de costas, com a cabeça pendurada para fora, segurando firme na rocha. Teve uma visão diferente e quase psicodélica do lugar. Era perfeito.

A lente estava focada e a luz era perfeita. Só não podia tremer. Era esse o cálculo que fazia - ou que eu imagino que fazia - ao fotografar. Segurava firmemente seus olhos ambulantes e, com um toque de amor, registrava o que via e sentia para sempre.

Eu a entendo. Enquanto tirava a foto daquele jeito estranho eu a observei a certa distância. Também sei gravar momentos, mas de um jeito um pouco diferente. Ela tem os olhos reveláveis e eu os impressos em papel e tinta. Sou grata por ela me dar estes doces momentos onde posso fotografá-la ao meu modo.



Para Aliane Soares, minha fotógrafa preferida e melhor amiga.

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Meu, eu estou sem palavras. Você é linda, Letícia! Linda, talentosa, fofa, amável, leal... minha melhor amiga. Ok, está mais para irmã. Eu te amo demais <3
    Parabéns pelo texto, eu me emocionei lendo. Sério. Me fez lembrar de tudo que tive que fazer parar conseguir o que eu queria e serviu para lembrar, também, do quão bom está sendo. E não está sendo assim perfeito simplesmente porque eu gosto de fotografia, tá sendo maravilhoso porque eu tenho o seu apoio. Sempre tive. Obrigada, sua linda! Saiba que também vou te apoiar em tudo. Obrigadaaaaaaaaaa (1000 x) rs
    E como eu disse... eu gosto de todos os seus textos.
    Te adoro. <3

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo texto e pela amiga que você tem!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe um comentário dizendo o que achou! :)