09 setembro 2011

A Mulher Vestida


A mulher estava vestida. Tinha um vestido vermelho, saltos, batom. Tirou o vestido, tirou os saltos, tirou o batom. Seria menina, e por isso colocou a saia, a camisa, os sapatos, a gravata. Fez um raio na testa. Segurou um graveto e sorriu para sua imagem no espelho. Parecia mais fácil assim, na fantasia. Ficou menina mais uma vez.


Mini-conto para a oficina de escrita criativa do colégio.

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. É impossível que uma garota leia isso e não se veja na trama. Esse jeito que você Lets, tem de abordar coisas simples e rotineiras, é mágico. "Tirar o batom e desenhara cicatriz na testa", não é só deixar de lado o amadurecimento e recordar a infância. "Tirar o batom e desenhar a cicatriz na testa" pode falar de uma pessoa que abandona asaparências, alguém que se mostra o que realmente é, abandonar algo que ame muito e suportar a dor e até mesmo, assumir os erros.
    Eu me imaginaria em diversas situações, utilizando esse texto para descrevê-las. Mas assim como acredito que foi com você, a minha interpretação foi unicamente ligada à saudade da minha inocência de criança, dos momentos de fantasia. Beijos linda, Raay.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe um comentário dizendo o que achou! :)