04 outubro 2011

Leite com Vodka




Sua bebida favorita sempre foi leite. Aquele líquido branco e um pouco denso, que bebês adoram. Bebia com tudo: chocolate, morango, groselha... Era um bebedor. Seus lanches não eram feitos sem leite. E se não o bebia, misturava em algum outro ingrediente. Sucrilhos, frutas batidas. Nutritivo da cabeça aos pés. O alimentava por dentro e ele consumia com orgulho.

Então cresceu. Você sabe, quando crescem eles mudam os interesses. Não mais desenhava os programas que via. Agora via apenas a parede do quarto e festas banhadas a vodka. Ah, a vodka. Virou sua bebida preferida, com toda certeza. Aquele cheiro forte no líquido transparente, que jovens usam para se mostrar descolados. Bebia com tudo: frutas batidas, sucos, refrigerantes, sem nada. Virava uma dose e outra. Descolado da cabeça aos pés, na moda, inteiramente parte do grupo.

Mas a vida não era só Leite ou Vodka. Pelo menos não mais. Foi em mais um dia de Vodka que a encontrou. Ela lhe sorriu e ele se aproximou. Parece que foi à primeira vista: Em um momento eram amigos e no seguinte ele provava o gosto mais diferente que já vira: leite com vodka.

Aqueles dias foram banhados com o sabor excêntrico da menina, que trazia o melhor de duas eras. Ele comia sucrilhos e ia dançar. Ele desenhava e saía com amigos. E foi assim que descobriu algo que nunca devia ter esquecido e que deveria estar implícito desde o começo. Redescobriu de onde veio e foi em frente, para saber aonde iria.

Texto para a oficina de escrita criativa.

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. que massa Lets, não sabia (ou não lembrava q) que você tinha um blog!
    Adorei o texto, muitcho bom, parabéns ((:

    ResponderExcluir
  2. Etílico, nostálgico e elegante. Entretanto, dá para ter boas lembranças sem leite e/ou vodka! ^^

    ResponderExcluir
  3. Brigada Lú!

    Mas, QBS, eu sou o tipo de pessoa que não usa leite e/ou vodka para boas memórias :)

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe um comentário dizendo o que achou! :)