Atividades Para Fazer na Páscoa

A páscoa está chegando e para muita gente é um período de renovação e reflexão, carregado de significado religioso já que é um feriado religioso. Claro que cada religião o enxerga e celebra de sua forma, mas em geral é uma mudança para algo novo. No mundo dos não religiosos, é a hora de descansar e comer chocolate. Para as crianças, do sonho de ver o coelhinho.

No meu mundo, eu faço maratonas de filmes de páscoa.

Quando era criança a sexta-feira chegava e eu sempre sentava em frente ao sofá com alguma coisa para comer enquanto assistia ao filme da sessão da tarde. Normalmente um filme da história de Jesus. O meu favorito era "Jesus - A Maior História de Todos os Tempos"", com Gary Oldman. Assisti de novo ano passado. Continuo adorando. Acho que rola um valor sentimental também.

Porém, com o tempo, comecei a ver outros filmes na Páscoa. Ainda comendo coisinhas. Resolvi assistir ao "Príncipe do Egito", desenho da Dreamworks que narra a história de Moisés até a travessia do Mar Vermelho. Pessoas que eram criança nos anos noventa talvez se recordem deste desenho e de como alguns dos seus efeitos (como o próprio mar se abrindo) foram impactantes. As músicas são emocionantes e eu adoro a cena em que os feiticeiros - posso chamar assim? - invocam os deuses egípcios e cantam os nomes deles no ritmo da canção. Para uma pessoa amante do Egito desde criança, imagina como me animo?

E por último mas não menos importante, na verdade o favorito, assisto a Jesus Christ Superstar, ópera rock de Andrew Lloyd Webber que narra os últimos dias de Jesus de um ponto de vista incomum: Judas, Madalena e outros personagens são a voz que move a história e questiona o desenrolar dos eventos. Judas, na verdade, questiona as escolhas de Jesus de uma forma não clichê: por que não veio passar sua mensagem nos dias de hoje, em que há a mídia em massa?

John Legend e elenco na versão para a televisão de Jesus Christ Superstar.
A melhor parte de Jesus Christ Superstar é a versatilidade do enredo. A obra é original dos anos 70 e sua versão original em filme mostra hippies reencenando os últimos dias de Cristo e, por isso, as cenas em meio ao deserto são coloridas pelas roupas hippies e, mais que tudo, os questionamentos se encaixam com o contexto da época atribulada por guerras. Porém, o musical tem centenas de versões e montagens feitas ao longo de todos estes anos que o adaptam a outro contexto; dentre os filmes, temos uma versão dos anos 2000 com punks, e outra em apresentações em estádios, estilo arena, em que as mídias sociais se misturam a referências a Illuminati e algo como Black Blocks. A mais recente, da Páscoa passada, tem John Legend como Jesus e até Alice Cooper de Herodes.

Por isso, na Páscoa, sofro uma lavagem cerebral de Jesus Christ Superstar e assisto a todas as versões possíveis. Dá pra ver que é meu musical favorito. Além de ver filmes, existem outras coisas que faço e que todos podemos fazer!

Jogar com a família é outra excelente forma de passar a Páscoa. Podem ser jogos de tabuleiro ou cartas, baralho e até videogames, se sua família curte. Os jogos criam a interação e a cooperação entre os participantes que são, evidentemente, algo forte da data. Festas de família por aqui, nestas datas comemorativas, acabam em uma partida de buraco, pelo menos. Pena que nunca lembro como jogar. Por isso levo os meus.

Conecte-se com o que acredita. Seja lá qual for a religião e, principalmente, se ela celebra a Páscoa, esta é uma excelente hora para conectar-se com suas crenças e refletir. Não vou elaborar como você deve fazer isso, afinal, você sabe melhor que eu como orar em sua religião. Porém, se você não tem religião (ou até se tem mas quiser testar isto também), talvez seja uma boa desculpa para tomar um tempo para conectar-se a si e gastar uns minutos exercendo um pouco de autoconhecimento e mindfulness (estar ligado e atento ao momento presente - o que você pode realizar por meio de meditação). Faça listas! Coisas que já realizou ou começou a trabalhar em si este ano e o que você pretende fazer dali para a frente. Liste suas qualidades, ou  seus desejos e objetivos ou atitudes que vai tomar em seu dia a dia dali em diante.

Faça uma boa ação, por menor que seja. Isto deve ser feito sempre, mas, horas, também podemos fazer agora. Separe roupas e outros itens que não precisa mais para doar, ou dê uma marmita a moradores de rua. Você também pode fazer uma doação para alguma instituição cujo trabalho você conheça, acredite e apoie. ONGs sempre precisam de doações e nem sempre precisam ser em dinheiro. E, muito além destes belos atos de ajuda ao próximo, existem coisas mínimas que podemos fazer no dia a dia que podem melhorar muito o dia de uma pessoa. Por exemplo, de bom dia para a moça te entregando um folheto ou o rapaz de atendendo no caixa e seja simpático com eles.

Seja como for curtir a sua Páscoa, faça-o com todo o coração. Afinal, cada dia é único e especial por si só. Viva-os. E me conte os seus rituais de Páscoa nos comentários! Boa Páscoa a todos!


Comente com o Facebook:

0 Comentários